Motorista de Uber, que também é policial, estupra adolescente 17

Um motorista do aplicativo Uber, identificado como Agnaldo Alves, que também é policial militar, é procurado pela Polícia Civil. Ele é suspeito de estuprar uma adolescente de 17 anos, no dia 25 de outubro, em Sussuarana. O crime teria ocorrido durante uma corrida em uma rua deserta.

Em nota, a PM confirmou o caso é disse que já instaurou um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) para apurar o estupro. Veja abaixo o comunicado na íntegra!

“A Polícia Militar, por meio da Corregedoria, instaurou um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) para apurar o envolvimento do policial militar acusado de violentar uma jovem no momento em que a transportava como condutor de Uber.

Assim que recebeu a denúncia através da corregedoria da corporação, a 19ª CIPM, unidade na qual o militar é lotado, afastou o soldado das atividades operacionais enquanto transcorre a investigação.

A PM faz apuração na esfera administrativa e o resultado do PAD pode implicar até na demissão do militar. Já a investigação do crime é feita pela Polícia Civil”. Informe Baiano

Campartilhe.

1 comentário

  1. Rita de Cassia teles cardial em

    Estamos passando por um tempo crítico,na política,na segurança,saúde,educação.onde iremos parar com tanta corrupção,o qué é preciso ser feito para poder_nos mudar esse cenário?Meu Deus,só Deus mesmo.

Deixe Um Comentário

Facebook login by WP-FB-AutoConnect